sexta-feira, 14 de maio de 2010

Manuela - The Best of Manuela

É com grande satisfação que divulgo o E-mail recebido de um grande colaborador. Meus sinceros agradecimentos.

Parabéns, em primeiro lugar, pelo seu recheado blog de preciosidades musicais. É justamente pela qualidade do seu trabalho que decidi lhe escrever. Vi que ultimamente foram postadas músicas do rock japonês. Gosto muito da Manuela que, à primeira leitura, possa parecer o nome de uma cantora brasileira, mas na verdade é alemã. Ela ficou conhecida no Brasil em 1963/1964 com a música “Mama, ich sag dir was” (Mamãe eu te diria algo), apesar de o seu maior sucesso internacional ter sido “Schuld war der Bossa Nova (Blame it on the Bossa Nova)”, ou simplesmente “Ensinando a Bossa Nova”.

A Manuela, falecida em 2001, aos 57 anos, é uma das pioneiras do rock alemão – o equivalente a Celly Campello e Wanderléa no Brasil - e fez muito sucesso por lá, onde participou de alguns filmes. No Brasil foram lançados poucos discos – alguns compactos e apenas dois LPs – o primeiro, lançado em 1964, e um ao vivo de um show gravado em Los Angeles em 1973. Por achar que a Manuela tem tudo a ver com o conteúdo do seu blog, e também por não encontrar nenhum disco dela postado por aqui, tomei a iniciativa de reunir algumas de suas músicas gravadas nos anos 60 para postar nos Anos Dourados.

Gostaria de informar que as 14 primeiras faixas são do primeiro LP, cuja contracapa encontra-se na pasta porque nela é feita uma apresentação da Manuela ao discófilo brasileiro. Repare que neste disco há uma bonita regravação de “Ave Maria no Morro”, de Herivelto Martins, talvez incluída no repertório para agradar o público brasileiro, um dos primeiros a reconhecer o talento da cantora na América Latina. Infelizmente, no disco, o nome da música é grafado em português, razão pela qual desconheço como ficou em alemão.

O primeiro disco está na íntegra nessa coletânea que intitulei como “O melhor de Manuela” porque, de fato, esse LP é recheado de sucessos, e gerou o lançamento de vários compactos na Alemanha. Nessa antologia, há também alguns clássicos do rock, como “Diana” e “Hello Mary Lou”, além das versões em alemão de “Guantanamera”, “When a man loves a woman”, “Banana Boat” e “Just so Bobby can see” (gravada pela Wanderléa como “Meu bem só gosta de mim”). Enfim, acho que você e seus seguidores vão gostar da Manuela, e também terão a oportunidade de conhecer um pouco do que foi produzido pelo rock alemão nos anos 60.

Você pode baixar o disco, para o qual criei capa, selo e contracapa (onde consta o endereço do site para quem estiver interessado em conhecer um pouco mais sobre a cantora)

Na contracapa do disco consta o endereço do site para quem estiver interessado em conhecer um pouco mais sobre essa maravilhosa cantora.

Espero que a minha colaboração seja aproveitada.


Abraços

Francisco Fukushima





--------------------------------------------------------------------------------
Manuela - The Best of Manuela
--------------------------------------------------------------------------------
01 - Mama, ich sag dir was
02 - Ya ya twist
03 - Ein Schiff wird kommen
04 - Ich geh'noch zur Schule
05 - Ave Maria no morro
06 - Diana
07 - Hey boy, IaB doch den whisky (DonÆt try to fight it Baby)
08 - Horch, was kommt von drauBen rein
09 - Seemann (deine Heimat ist das Meer)
10 - Hello Mary Lou
11 - Vaya com Dios
12 - Lollipop
13 - Spiel' noch einmal für mich, Habanero
14 - Schuld war der Bossa Nova (Blame it on the Bossa Nova)
15 - Helicopter U.S. Navy 66
16 - Guantanamera
17 - Wenn Es Nacht Wird in Harlem (When a man loves a woman)
18 - Schwimmen Lernt Man im See (Just so Bobby can see)
19 - Kusse Unterm Regenbogen
20 - Jamaika Farewell (Banana boat song)
21 - Stille Nacht (Noite Feliz)
22 - Monopoly
23 - Monsieur Dupont
24 - Love and Kisses
25 - Herzklopfen
26 - Lord Liecester aus Manchester
27 - Die GoldeneZeit (mit Drafi)
28 - Alles und noch viel mehr
29 - Dumme sterben niemals aus
30 - Jive Manuela (Radio Mix)

Seleção Musical e capas: Fukushima

Link:
Anos Dourados 184

5 comentários:

Huguinhu K.. disse...

Excelente!!
Fazia tempo que andava à captura de algo da Manuela na WEB. Tentei encontrar discos dela a venda no ML mas foi em vão.
Agora me deparo com esse post sensacional. Abraços ao Francisco que colaborou com o blog dividindo essa preciosidade. Agradecimentos tb ao mentor do sitio, "Don Diego" por ter acolhido essa magnífica postagem.

Anônimo disse...

O FFukushima sempre nos surpreendendo com o seu vasto repertório de raridades. Parabéns! Estou sempre a procura de suas postagens, tanto em videos quanto em audios. Muito bons mesmo!!!!!
Laercio Jaques

Victorio disse...

Caro Don Diego

Baixei este disco por curiosidade devido a apresentação feita pelo colaborador Francisco. Qual não foi a minha surpresa ao descobrir esta cantora de voz singular e gostosa de ouvir. O repertório e o áudio estão excelentes. Tudo muito caprichado - capa, selo e contracapa.
Pena que ela não está mais entre nós. Acho que, graças a esta postagem, muita gente vai ficar como eu, fã dessa cantora alemã. Parabéns ao Francisco e ao Don Diego, que sempre nos contempla com muitas raridades.

Abraços

Victorio

Gerard disse...

Thanks

Carlus Maximus disse...

muito bom o CD da Manuela. Só algumas correções pequenas. O LP da Manuela foi lançado pela Continental no final de 1964, talvez influenciada pela sucesso estrondoso que Rita Pavone fez por aqui. O título 'Ave Maria no morro' não tem tradução em alemão, ou seja, é uma musica como 'Vaya con Dios', que é cantada em inglês ou alemão, mas não há tradução do titulo. 'Ave Maria no morro' não foi lançada só para 'agradar' ao publico nativo... ela fazia parte do LP original mesmo! Ah, Manuela não é uma 'pioneira' como foi Celly Campello, pois ela surgiu na Alemanha em 1963, qdo. o rock alemão já existia desde 1956... já tinha 7 anos de vida!